Junho 5, 2018

NOTÍCIAS // Ensinar a apreender o Douro Património Mundial

by admin in NOTÍCIAS

Na manhã de 26 maio, nas instalações da Quinta do Bonfim, a LADPM deu a conhecer a um grupo de Diretores de Agrupamentos de Escolas, dos treze concelhos constituintes do Douro Património Mundial.


António Filipe, Presidente da LADPM, apresentou a associação e promoveu uma reflexão sobre as vantagens decorrentes da atribuição ao Douro da classificação da UNESCO, sobre os aspectos menos positivos que daí podem surgir, mas sobre aquilo por que se deve lutar para que o Douro seja um produto de “luxo” – a sua evidente qualidade intrínseca; ter uma história para contar que todos devemos conhecer e ensinar e ser um bem escasso e raro, que ainda não é. Os projectos realizados foram apresentados por professores dos Agrupamentos de Escolas de Carrazeda de Ansiães e de Latino Coelho de Lamego. Duas alunas de Carrazeda de Ansiães que estiveram envolvidas em dois dos concursos escolares, promovidos pela LADPM, também deram o seu testemunho sobre as experiênciasvivenciadas e sobre o modo como estas contribuíram para um melhor conhecimento da região que habitam.

Maria João Amaral apresentou o trabalho realizado pela LADPM junto dos jovens no que respeita à promoção dos concursos escolares e referiu a existência de um Curso de Formação de Professores de todos os graus de ensino – “Para a Preservação e Valorização do Douro Património Mundial” – realizado em parceria com a UTAD, cuja segunda edição vai decorrer de 18 a 21 de julho próximo. Tendo este curso sido criado porque se sentiu necessidade de proporcionar aos docentes, envolvidos no ensino do Douro, o suporte científico e o conhecimento mais aprofundado que melhorasse a qualidade das aprendizagens, pediu-se aos Diretores de Agrupamentos presentes que facilitassem a inscrição dos seus docentes no mesmo e que tirassem vantagem da “Flexibilidade Curricular” para inserirem o Douro nos currículos escolares. Conscientes de que as escolas estão assoberbadas de trabalho o que nem sempre lhes permite responder ao desafio que ali lhes colocávamos, pedimos-lhes que nos ajudassem a ajudá-los e que nos dissessem em que é que a LADPM lhes poderia ser útil. Perante as sugestões recebidas todos assumimos o compromisso de uma colaboração mais próxima e frequente.